Trabalho da Universidade Estadual de Maringá comprova a eficiência do carvão extraído do coco babaçu na filtragem da água

Filtros e Purificadores em Aracaju, SE

Trabalho da Universidade Estadual de Maringá comprova a eficiência do carvão extraído do coco babaçu na filtragem da água

CARVAO

     Trabalho apresentado no XII Simpósio de Recursos Hídricos do Nordeste, feito a partir de  experimentos realizados no Laboratório de Gestão, Controle e Preservação Ambiental, do Departamento de Engenharia Química da Universidade Estadual de Maringá, teve como objetivo avaliar a eficiência do processo de filtração, utilizando como adsorventes carvão vegetal de coco de dendê e babaçu para remoção de zinco em água destinadas para o consumo humano. Como o trabalho destaca, o carvão ativado tem sido aplicado em processos de tratamento de água para controle de cor e odor, bem como para a remoção de compostos orgânicos, metais tóxicos e cloro, devido as suas propriedades como área superficial elevada, tamanho de poros variados, grande capacidade de adsorção e além do baixo custo (OH, 2003).

     Nos ensaios de filtração, utilizou-se uma solução sintética preparada com água de abastecimento e uma solução padrão de ZnCl2 com concentração aproximada de 10 mg/L, esta sendo determinada de acordo com Ahmedna et al. (2004), sendo superior ao limite estabelecido pela Portaria 2914/2011 do MS (BRASIL, 2011).

     De acordo com os autores, as análises foram realizadas por espectrometria de absorção atômica com atomizador de chama (Varian, 50B). Os parâmetros físico-químicos como cor aparente, cloro livre (Espectrofotômetro Modelo DR 2010, Marca Hach), turbidez (Turbidímetro Modelo 2100P, Marca Hach) e pH (pHmetro Orion VersaStar) foram analisados para monitoramento da qualidade da água e realizados de acordo com o Standard Methods for the Examination of Water and Wastewater (APHA, 2005). 

Os autores do trabalho observam que, a turbidez da água após a filtração em todos os filtros avaliados sofreu um ligeiro aumento em relação à turbidez da água de abastecimento. Segundo Colares et al. (2010, citado no referido trabalho), o aumento da turbidez está relacionado com a possível fragmentação do carvão devido a agitação aplicada no seu preparo. Consequentemente, podendo assim arrastar pequenas partículas do carvão ativado que não foram removidas durante a etapa de lavagem do carvão. Tal observação é importante para os nossos clientes, uma vez que sempre alertamos sobre a importância de limpar o filtro, logo após a troca do refil, para retirar as partículas de carvão, sendo que, no caso dos aparelhos refrigerados, é melhor ligar a torneira natural para o carvão não acumular no reservatório.

     Segundo o trabalho, em todos os filtros avaliados, as amostras de água após a filtração apresentaram concentrações de cloro livre entre 0,01 e 0,05 mg/L, atendendo ao teor mínimo de cloro estabelecido na Portaria 2914/2011. 

     Os filtros avaliados com carvão ativado vegetal de coco de dendê e de babaçu forneceram água filtrada com valores de pH, turbidez, cor aparente e cloro livre em conformidade com a Portaria 2914/2011 e ABNT NBR 16098/2012.

 

     Ao analisar os resultados da Tabela 2, verificou-se que o filtro com carvão ativado de coco de dendê foi eficiente nos primeiros 30 litros de filtração, e após esse volume a eficiência de remoção foi menor, variando de 8 a 9%, visto que a concentração de zinco na água após a filtração permaneceu acima do limite estabelecidos pela Portaria 2914/2011 do MS que é de 5 mg/L. Já na Tabela 3, podemos notar que os valores permaneceram de acordo com os parâmetros estabelecidos pela Portaria, apresentando maior eficiência na remoção do zinco. Vale destacar também que a partir da filtração do volume de 40 litros houve uma diminuição na eficiência de remoção de zinco, possivelmente devido à saturação do leito de carvão ativado. 

     Os filtros com carvão ativado vegetal de coco de dendê e carvão ativado de babaçu forneceram água classificada como filtrada em relação com valores dos parâmetros físico-químicos como pH, turbidez, cor aparente e cloro livre seguindo a Portaria 2914/2011 e ABNT NBR 16098/2012. O filtro com carvão de babaçu apresentou maior eficiência na remoção de zinco da água, que pode ser devido à carga de polaridade oposta que ocorrem entre os grupos, bem como a propriedade textural (volume e diâmetro dos poros) e estrutural do adsorvente. O carvão ativado de coco de dendê não foi tão eficiente na remoção de zinco talvez devido a microporosidade e por apresentar cargas negativas em sua constituição, descrevem os autores do trabalho, na conclusão do mesmo.

     Com isto, a partir deste trabalho, podemos concluir, a necessidade de limpar o filtro após a instalação, para retirada de partículas de carvão, que o coco babaçu é mais eficiente que o coco de dendê, conforme retém mais impurezas, possui maior tempo de vida, e capacidade de absorver até metais pesados, ressaltando que é o tipo de carvão com o qual nós trabalhamos, que o carvão em bloco é mais eficiente que o carvão granulado, devido ao volume e porosidade os quais a água tem que passar, propriedades como área superficial elevada, tamanho de poros variados (e por isto os recomendamos aos nossos clientes), que o carvão tem seu tempo de vida, diferente de como alguns clientes pensam que não precisa mais trocar, e a explicação possível é a saturação que ele vai sofrendo e, vale destacar que o nosso carvão atende às normas técnicas exigidas, as vezes apresentando eficiência maior que a exigida.

     Nas nossas lojas, você vai encontrar diversos refis de carvão ativado, desde granulado até o carvão em bloco, mais compacto, conforme seguem os modelos abaixo.

     Fonte: Trabalho conseguido na seguinte página da internet: https://www.google.com/url?sa=t&rct=j&q=&esrc=s&source=web&cd=1&ved=2ahUKEwihn-HYscLmAhVVIrkGHaAnDTkQFjAAegQIARAC&url=http%3A%2F%2Feventos.abrh.org.br%2Fxiisrhn%2Fanais%2Fpapers%2FPAP018366.pdf&usg=AOvVaw1DYIECYY3RVylWCSw66zLx > Acesso em 18/12/2019


CARVAO ATIVADO

Salvamos dados da sua visita para melhorar e personalizar sua experiência aqui na Solutudo. Ao continuar, você concorda com a nossa Política de Privacidade.