Sim, é possível ir ao dentista em tempos de coronavírus!

Odontologia em Botucatu, SP

Sim, é possível ir ao dentista em tempos de coronavírus!

Coronavírus _ Royale

Apesar de estarmos vivendo um período de pandemia, em que são necessários muitos cuidados para preservar a saúde da população, também não devemos nos esquecer da saúde bucal. Procedimentos odontológicos mais invasivos não são recomendados no atual momento, porém, há situações urgentes que precisam ser tratadas. É possível a realização desse atendimento, com segurança, tanto para o profissional quanto para o paciente.

A urgência de um procedimento é uma decisão baseada em julgamento clínico e deve ser tomada caso a caso. Para atendimento das urgências e emergências, as seguintes medidas devem ser adotadas a fim de reduzir o risco de contaminação:

  1. Perguntar sobre sinais e sintomas de gripe ou resfriado logo antes do agendamento. Incluir pessoas próximas na questão.
  2. Evitar atendimento de pessoas partindo dos 60 anos.
  3. Gerente de relacionamento sempre usando máscara.
  4. Criar uma rotina de desinfecção frequente em todo o ambiente de trabalho.
  5. Já na sala de espera, aferir temperatura. Pacientes com temperatura elevada terão suas consultas remarcadas.

6. Realizar frequentemente a higiene das mãos com água e sabonete liquido OU preparação alcoólica (70%), usar gorro, óculos de proteção ou protetor facial (preferencialmente o protetor facial), avental impermeável, luvas de procedimento, máscaras N95 (PFF2) ou equivalente.

7. Antes e após a utilização de máscaras deve-se realizar a higiene das mãos com água e sabonete líquido OU preparação alcoólica (70%). Todos os profissionais envolvidos devem ser orientados sobre como usar, remover e descartá-las.

8. Deve ser realizada a sucção constante da saliva e se possível trabalhar a 4 mãos (EPI semelhante para ambos).

9. Evitar radiografias intraorais (estimula a secreção salivar e a tosse). Optar pelas extraorais, como a panorâmica e a tomografia computadorizada, com feixe cônico.

10. Utilizar enxaguatório bucal antimicrobiano pré-operatório;

11. Esterilizar em autoclave todos os instrumentais considerados críticos, inclusive as canetas de alta e baixa rotação.

 


Categorias


Salvamos dados da sua visita para melhorar e personalizar sua experiência aqui na Solutudo. Ao continuar, você concorda com a nossa Política de Privacidade.