A consultar
Seja o primeiro a avaliar:

Intervenção intensiva e precoce para pacientes com TEA ou atraso de desenvolvimento de 1 a 5 anos de idade. 
Todo contexto trabalhado na aprendizagem naturalística com embasamento na análise do comportamento.
O Modelo de Denver utiliza as sequências de desenvolvimento infantil como base para a avaliação da criança. 
Depois da avaliação são definidos os objetivos de intervenção nas diferentes áreas de desenvolvimento. Estas incluem as competências sociais, comunicação receptiva e expressiva, desenvolvimento cognitivo e habilidades motoras.


Avaliações

Ninguém avaliou esse produto ainda. Que tal ser o primeiro?